terça-feira, 26 de março de 2013

SERVIDORES DO INSS DE CAMOCIM PARALISAM ATIVIDADES EM PROTESTO CONTRA CONDIÇÕES DE TRABALHO


Os 12 servidores da Agência do INSS em Camocim estão fazendo nesta terça-feira (26), uma paralisação em prol de melhores condições de trabalho. A paralisação, que ocorre nacionalmente, também reivindica redução de carga horária e um plano de carreira para a categoria. "Jogados" no galpão da Prefeitura Municipal desde maio de 2012, quando tiveram que sair da sede do órgão, onde estavam, mesmo com uma reforma ocorrendo desde março de 2012, os servidores trabalham em condições insalubres. Para se ter uma ideia, no setor de concessão de benefícios, que atende diariamente cerca de 200 segurados  de 7 cidades da região, a Agência de Camocim dispõe apenas de 2 servidores.  Não existe ar-condicionado, faltam cadeiras para os segurados, e a privacidade é zero. Já a tal reforma da sede do órgão, que teve início em Março de 2012, deveria ter sido concluída em Julho do mesmo ano, porém, de acordo com informações dos servidores do INSS, a obra está parada. O protesto durou até 11:00h de hoje, e teve distribuição de salgadinhos e café para os segurados, que estavam solidários à iniciativa. 
No local, cedido pela prefeitura, não há nenhum tipo de higiene para que sejam realizadas perícias, por exemplo. Não há pias nas salas dos médicos. Banheiro só existe um, que serve para homens e aproximadamente 6 mulheres servidoras. Para os segurados, que muitas vezes passam a manhã inteira à espera de atendimento, não há banheiro. Na necessidade, eles precisam apelar para os que servem os servidores da Prefeitura, e caso estejam ocupados, o jeito é sair batendo nas portas das casas vizinhas ou correndo pro mato. Não há climatização, e os servidores se obrigam a levar ventiladores de casa. Muitos já passaram mal, pelo calor infernal e stress. A cozinha improvisada está em péssimas condições. Equipamentos estão constantemente com defeitos por conta do excesso de maresia. O sistema é lento, provocando mais demora ainda no atendimento. O protesto contou com a presença de representantes do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência Social no Estado do Ceará (SINPRECE) e da Federação Nacional dos Sindicatos de Trabalhadores em Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (FENASPS). Veja mais fotos AQUI
Postado por Tadeu Nogueira às 11:35h
Fotos: Vando Arcanjo

3 comentários:

Unknown disse...

Os "cumpanheiros" sempre retardam as obras.É a administração do PT.

Cassiano disse...

Tenho certeza, que alguém já teve sua obra concluída, com o desvio de verbas da obra da sede do INSS.

montezzuma disse...

Esse é o governo dos PeTralhas, muita enrolação e muito blá-blá-blá. Se a obra estivesse a cargo do Departamento de Engenharia do Exército Brasileiro já teria sido concluída há muito tempo e ainda sobraria dinheiro. Saudades dos militares!