. CAMOCIM ONLINE: CASO GLEYDSON: PRISÃO DO TIO DO PREFEITO JAMES BEL GERA REPERCUSSÃO
E-mail tadnogueira@hotmail.com
Telefones (88) 99603-4531 (88) 98814-0779
Endereço Rua Zeferino Veras, 301 - Centro Camocim - Ceará - Brasil CEP 62.400-000

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

CASO GLEYDSON: PRISÃO DO TIO DO PREFEITO JAMES BEL GERA REPERCUSSÃO

Os principais meios de comunicação do estado, e fora dele, repercutiram a prisão de Francisco Pereira da Silva, vulgo 'Chico Dentista', tio do prefeito de Martinópole, James Bel. Ele foi preso na manhã desta quarta-feira, 2, suspeito de participação na morte do radialista Gleydson Carvalho.  A vítima foi executada a tiros no último dia 6 de agosto, no município de Camocim, enquanto apresentava seu programa ao vivo na Rádio Liberdade.
'Chico Dentista', de 51 anos, foi preso por agentes da Coordenadoria de Inteligência (Coin) em Martinópole, onde reside.
De acordo com a assessoria da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), havia um mandado de prisão preventiva contra o suspeito. Ainda segundo a SSPDS, ele teria sido um dos articuladores e financiadores do crime.
"Chico Dentista" foi conduzido à Delegacia Regional de Camocim. Após os procedimentos foi autuado por homicídio qualificado, sendo transferido, posteriormente, à Cadeia Pública da cidade. Francisco deve permanecer por alguns dias no local e depois será transferido à Penitenciária Industrial Regional de Sobral..
Pelas contas do Delegado Herbert Ponte e Silva, titular da delegacia de Camocim, esta se trata da sétima prisão de suspeitos por envolvimento na morte do radialista. "Inicialmente foram presas três pessoas em flagrante, e Daniel Lennon Almada, que foi solto em seguida. Depois, o casal Thiago e Regina, e agora o Chico", enumerou. 
Gisele de Souza Nascimento, 23, e Francisco Antônio Carneiro Portela, 18, ambos sem antecedentes criminais, foram presos no dia 7 de agosto passado.
Daniel Lenon Almada, 31, apontado como o responsável por entregar aos autores do homicídio a motocicleta que foi utilizada na fuga, também foi preso no último dia 20 de agosto.
O casal Thiago Lemos da Silva e Regina Rocha Lopes foi detido na cidade de Senador Canedo, em Goiás, no último dia 25 de setembro.
Ainda conforme o delegado, as investigações sobre o caso continuam e, em breve, novidades sobre o caso devem ser divulgadas.
Postado por Tadeu Nogueira às 11:00h
Com informações do Jornal O Povo

0 comentários: