. CAMOCIM ONLINE: VEREADOR RICARDO É CONTRA REFORMA DA RODOVIÁRIA E DEBOCHA DA GUARDA
E-mail tadnogueira@hotmail.com
Telefones (88) 99603-4531 (88) 98814-0779
Endereço Rua Zeferino Veras, 301 - Centro Camocim - Ceará - Brasil CEP 62.400-000

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

VEREADOR RICARDO É CONTRA REFORMA DA RODOVIÁRIA E DEBOCHA DA GUARDA

DONO DE BUFFET, PARLAMENTAR 
CRITICA QUEM FECHA RUA PARA
 FAZER ANIVERSÁRIO 
Durante a sessão legislativa de segunda-feira (22), o Vereador Ricardo Vasconcelos (PP), líder da bancada da oposição, parlamentar mais ausente de 2015, pré-candidato a prefeito declarado e, morador de Fortaleza, segundo seus próprios colegas, criticou duramente a reforma e ampliação do Terminal Rodoviário de Camocim. Afirmou, entre outras coisas, que parte do telhado não poderia ser mais de amianto, pois o material causava doenças. Disse ainda que esteve pessoalmente no local. A declaração do Vereador Ricardo soa como um bumerangue, que se volta contra quem a proferiu. Senão, vejamos:
Sobre o Terminal Rodoviário, durante 8 anos (2004-2012) em que seu "chefe", como ele mesmo gosta de dizer, Chico Vaulino, esteve à frente do município, o Vereador Ricardo Vasconcelos, mesmo tendo sido Presidente da Câmara em parte desse período, nunca apresentou um único requerimento, demonstrando preocupação com a saúde dos Camocinenses, pedindo que o telhado de amianto da rodoviária fosse trocado. Aliás, sua primeira preocupação ao assumir a chefia do legislativo, foi reformar seu gabinete. Foi a “Era Ricardo Decorações”.
Além disso, estando com seu grupo no poder, sendo um de seus maiores beneficiários, com prédios e veículos alugados, e outras regalias, o Vereador Ricardo Vasconcelos nunca, jamais, em tempo algum, solicitou a reforma da rodoviária, mesmo estando essa, à época, com banheiros destruídos, infiltrações e sem nenhuma estrutura para receber passageiros. Nem ele, nem seu “chefe”, trocaram uma lâmpada de lá, imagine reformar.
Agora, de repente, como em um passe de mágica, ele descobriu que a rodoviária existia, e mais, ainda esteve por lá pessoalmente, coisa que nunca viram na cidade, já que como alto empresário, sempre andou a bordo de carros caros, com ar-condicionado no 4.  
Ainda em seu discurso, o parlamentar, que pretende governar Camocim, afirmou que, caso a estrada da Praia do Maceió seja mesmo municipalizada, a Guarda de Camocim não tem estrutura para fiscalizar a rodovia. Continuou no tema falando que a Guarda hoje tem outras ocupações, citando, entre elas, em forma de deboche contra a instituição, o "fechamento de ruas" para aniversários. 
"Quem tiver um cachorro e quiser fazer o aniversário dele, obstruindo a rua, basta pedir à Guarda Municipal", disse ele.  
Sobre seu comentário discriminatório em relação à Guarda Municipal, o Vereador César Veras disse que o Vereador Ricardo tem mania de falar daquilo que não tem conhecimento, já que a Guarda Municipal, caso venha a ocorrer a mudança de fiscalização da estrada, recebeu treinamento para tal função diretamente de instrutores do Detran. “A não ser que para o Vereador Ricardo, nem o Detran esteja capacitado para isso”, disse o parlamentar. 
Finalizando sua participação, o Vereador César Veras disse que lamentava a colocação feita pelo Vereador Ricardo, comparando o povo a cachorro. 
"Vereador Ricardo, quando alguém pede para obstruir uma rua para celebrar um aniversário de alguém da família, é porque essa pessoa não tem condições de pagar pelo espaço de um buffet do tipo que o senhor é dono. O senhor não precisa fazer aniversário na rua porque o senhor é dono de buffet, mas quem não é, não podendo, faz na rua, e por isso pede o bloqueio da via", disse César Veras. 
"Além disso, Vereador Ricardo, nunca vi o senhor trazer um requerimento para essa câmara pedindo uma escola, posto de saúde, quadra, estrada, remédios, em prol da população. Seus discursos são sempre, agora, depois que seu grupo saiu do poder, contra isso, contra aquilo, contra o que foi inaugurado, que não vai servir, que não deu certo, não vai funcionar. Já quando teve a chance de pedir, de mudar o que estava errado, não quis fazer isso. Preferiu o silêncio dos omissos", completou. Ainda durante a sessão, visivelmente irritado, o Vereador Ricardo tentou intimidar um membro da imprensa. Não é a primeira vez que ele faz isso. Pelo jeito ele esqueceu de tomar o remédio antes de sair de sua casa, em Fortaleza.  
Postado por Tadeu Nogueira às 11:05h
Foto: Vando Arcanjo 

0 comentários: