. CAMOCIM ONLINE: A PÁ DE CAL: PMDB OFICIALIZA ROMPIMENTO COM GOVERNO DILMA
E-mail tadnogueira@hotmail.com
Telefones (88) 99603-4531 (88) 98814-0779
Endereço Rua Zeferino Veras, 301 - Centro Camocim - Ceará - Brasil CEP 62.400-000

terça-feira, 29 de março de 2016

A PÁ DE CAL: PMDB OFICIALIZA ROMPIMENTO COM GOVERNO DILMA

O PMDB confirmou na tarde desta terça-feira (29) a ruptura com o governo de Dilma Rousseff. Os seis ministros do partido, assim como membros da sigla que trabalharam para o governo, devem deixar o cargo até o próximo dia 12 de abril. Atualmente, cerca de 600 cargos da máquina pública federal são ocupados por peemedebistas
A decisão de hoje foi feita por aclamação. O vice-presidente Michel Temer (presidente do PMDB) e os ministros não participaram da reunião de hoje, comandada pelo senador Romero Jucá (RR). "A partir de hoje, dessa reunião histórica, o PMDB se retira da base do governo Dilma Rousseff. Ninguém está autorizado a exercer qualquer cargo federal em nome do PMDB", disse Jucá no final da sessão.
Além da vice-presidência do Executivo e do comando da Câmara e do Senado, o PMDB também controla a maior bancada do Congresso. Sem o apoio do partido, o risco do fim de mandato de Dilma aumenta. O temor atual do Executivo é que a saída do PMDB possa, a partir de agora, provocar a saída de outras legendas da base aliada, como o PRB e o PP.
Lá vou eu: Não é preciso ser expert em política para deduzir que esse rompimento significa o fim precoce do mandato de Dilma. Sem o apoio do PMDB, Dilma não tem como resistir. Temer, com uma hiena, farejou a carniça há meses atrás. De lá pra cá, maquiavelicamente, e com Dilma dando motivos, vem planejando seu "banquete". 
Postado por Tadeu Nogueira às 15:43h
Com informações da Exame 

1 comentários:

SEU JOÃO disse...

Morreu, PT do Cão! Já vai tarde.