. CAMOCIM ONLINE: A PARTE MAIS DIFÍCIL JÁ FOI FEITA
E-mail tadnogueira@hotmail.com
Telefones (88) 99603-4531 (88) 98814-0779
Endereço Rua Zeferino Veras, 301 - Centro Camocim - Ceará - Brasil CEP 62.400-000

terça-feira, 21 de março de 2017

A PARTE MAIS DIFÍCIL JÁ FOI FEITA

Em setembro de 2014, vesti minha melhor e única beca, enfrentei o calor e fui conferir no Galpão da Estação Ferroviária a apresentação do livro didático, “Historiando Camocim” escrito pelo Professor Camocinense Carlos Augusto e Gleiciane Freitas. Na ocasião prometeram a adoção do mesmo nas escolas do município para o ano letivo seguinte. Em junho de 2015, cobramos no blog a tal promessa que durante aquele ano não se efetivou. O ano de 2016 passou e soubemos que houve até uma abertura de licitação, cujo processo, pelo jeito, não se concluiu. 
Já estamos em março de 2017. Aí fica a pergunta que não ofende: Quem poderá nos dar uma notícia sobre esse verdadeiro parto “a fórceps”? O meu temor é que um livro próprio, falando de nossas origens e de nossa gente, fique no esquecimento depois de tanto trabalho, de tanto conteúdo interessante, por tudo que percebi durante a apresentação do trabalho em setembro de 2014, o que compensou suportar a beca e o calor. 
Não custa lembrar que a adoção de um livro dessa natureza, influirá positivamente nos critérios de avaliação da educação de Camocim que, segundo apontam os números, vastamente noticiados aqui mesmo no Camocim Online, experimenta uma evolução nos índices educacionais. Enquanto isso, ter um livro didático de História adotado nas suas escolas municipais, segue sendo um privilégio apenas de Fortaleza, Sobral (foto) e Bela Cruz. Camocim, que já conseguiu o mais difícil, que foi a produção de sua história em um livro, segue, como diz o povo antigo, se engasgando com um mosquito. 
Postado por Tadeu Nogueira às 10:12h

1 comentários:

Ayla Sousa disse...

Se fosse em junho de 2016, eu iria dizer que isso aconteceu por conta do ano eleitoral.... Porque aqui não sei por onde andam as obras. É coisa na entrada da cidade, é coisa no meio da beira mar... Sem dúvida no fim do semestre pro inicio de 2018 irá recomeçar todos os projetos, todas as obras.... Mas, reverente ao livro, ela deve estar numa gaveta, esperando a liberação da licitação... CAAAAAAALLLLLLLLLMMMMMMAAAAAAAAA! Depois quando a coisa desandar, o trem cair dos trilhos, vão chorar sobre o leite derramado!!!