quarta-feira, 29 de março de 2017

PREFEITO DE BARROQUINHA QUER 13º E ABONO PARA ELE E SUA VICE

Na contramão da boa prática da contenção de gastos em decorrência da crise que parece não cessar em todo o país, o Prefeito de Barroquinha, Ademar Veras (PTB), enviou um projeto de lei à Câmara Municipal, propondo o pagamento de gratificação natalina, bem como remuneração e abono de férias para ele e sua vice-prefeita, Carmelita Veras (PTB). 
Legislando abertamente em causa própria, o Prefeito Ademar espera aprovar com facilidade o projeto em sessão prevista para ocorrer nesta sexta-feira (31) pela manhã. Sua certeza tem como base o fato de contar com 5 dos 9 vereadores. Como chefe do executivo, o Prefeito Ademar já recebe mensalmente, para governar uma das cidades mais pobres do estado, cuja população gira em torno de 14 mil habitantes, a bagatela de R$ 8.500,00. Já para cumprir o papel de vice, Carmelita Veras fatura R$ 5.350,00. 
Conhecido por não economizar em viagens pagas pelos Barroquinhenses quando exerceu mandatos anteriores, somente com diárias, o Prefeito Ademar já embolsou, apenas em janeiro e fevereiro deste ano, R$ 4.800 reais. Ou seja, em 60 dias à frente da prefeitura, com exceção dos sábados, domingos e feriados, ele ficou 10 dias viajando. Para se ter uma ideia, cada deslocamento seu dentro do estado custa ao bolso dos moradores de Barroquinha, R$ 480 reais por dia. Nesta sexta a Câmara de Barroquinha, eleita para fiscalizar e moralizar os atos do poder executivo, terá uma bela chance de mostrar ao Prefeito Ademar que há demandas bem mais urgentes do que essa, que visa apenas reforçar ainda mais a sua já farta conta bancária. 
Postado por Tadeu Nogueira às 10:17h

2 comentários:

Camocim de todos. disse...

É menor que um Vereador de Camocim. À propósito seria interessante saber quanto ganha a Prefeita e o Vice de Camocim.

Daniell Mtos disse...

lamentavel barroquinha é tão carente de saneamento basicos entre outras coisas estive em barroquinha visitando parentes . pude ver. espero q desista dessa ideia