sábado, 8 de julho de 2017

SÓ OBSERVANDO!

Reza a lenda que não é bom negócio apostar em “cavalo paraguaio”. A “zuada” é sempre muito grande em torno desse tipo de animal, dando a entender que ele é capaz de vencer fácil um páreo, com vários metros de vantagem sobre o segundo lugar. 
Pelo jeito, com ócio de sobra e experiência a seu favor, Chico Vaulino resolveu adotar esse lema na sua apática atividade política. O mesmo não pode ser dito de alguns de seus “subordinados”. Por isso são chamados assim. A prova é que já tem mais de um desses "apostadores", rasgando o bilhete antes da corrida terminar. Resta saber se, em caso de arrependimento, a “casa vaulino” recebe mercadoria usada de volta. 
Postado por Tadeu Nogueira às 09:53h 

Nenhum comentário: