quinta-feira, 10 de agosto de 2017

UNIDOS NA FARDA, DIVIDIDOS NA URNA

A Polícia Militar ainda não conseguiu, em tempos de presença cada vez maior da classe nos parlamentos,  emplacar um vereador em Camocim.  E olha que apoio não foi problema. 
Isso demonstra que a união da classe fica restrita apenas ao desempenho de suas funções.  
Já quando o assunto é política, há divisão, quando o certo seria somar. Aliás, além de uma cadeira na Câmara Municipal, levando em conta a existência, há 43 anos, de uma companhia de batalhão na cidade, com centenas de policiais, entre ativos e aposentados, residindo no município durante décadas, se a união existisse além das atividades inerentes à profissão, a instituição já era para ter sua sede social, por exemplo, direcionada ao convívio de suas famílias em ocasiões de lazer e eventos sociais. Pode até ser clichê, mas não custa nada lembrar que a união é que faz a força. Ainda há tempo. 
Postado por Tadeu Nogueira às 12:39h 

Nenhum comentário: