sexta-feira, 3 de novembro de 2017

COM 54 MIL HABITANTES E COMEMORANDO 163 ANOS, GRANJA SEGUE SEM RODOVIÁRIA

Em agosto de 2016, o então Prefeito de Granja, Romeu Arruda, divulgou amplamente, através de seus meios de comunicação, a maquete (mais uma) do que viria a ser o Terminal Rodoviário do município. Pois é, acredite, Granja, mostrada por Romeu nas redes sociais como sendo uma cidade-modelo, tudo por conta de sua administração "futurista" (diz ele), mesmo tendo 54 mil habitantes e completando 163 anos nesta sexta-feira (03), não possui, sequer, um local para receber passageiros. 
Nem mesmo um "puxadim", uma "latada" ou uma mangueira frondosa. Banheiro então, nem pensar. Quem chega à cidade desembarca em uma calçada, no centro,  sob sol ou chuva, próximo ao tradicional Colégio São José.
Junto com à maquete, ele, Romeu Arruda, noticiou que a obra seria iniciada em 90 dias e que o equipamento ficaria localizado em um antigo galpão, segundo ele, em tom de crítica, “abandonado há mais de 20 anos”, localizado ao lado da Prefeitura Municipal. 
O texto, bonito, ainda dizia: “Além das baias de ônibus, teremos também de topics, vans e micro-ônibus, além de táxis, quiosques padronizados de vendas de passagens, lanchonetes e banheiros públicos”. A realidade é que a Rodoviária, tão necessária para os granjenses, segue sendo uma maquete apenas. E o galpão, o tal “abandonado há mais 20 anos”, continua do mesmo jeito, como mostra a foto comparativa. Veja AQUI mais fotos da maquete. 
Postado por Tadeu Nogueira às 11:12h

2 comentários:

Gabriel Yegor disse...

163 anos de emancipação, mas de Fundação tem mais de 240 anos, não ignoremos esse detalhe.

HAROLDO MUNIZ disse...

Esse cara é campeonissimo em marquetes !