quinta-feira, 9 de novembro de 2017

PROJETO PREVÊ MULTA CONTRA TROTES NO CEARÁ

Os gaiatos que costumam aplicar trotes contra o Samu, Ciops, Ciopaer, Defesa Civil e outros órgãos de interesse público poderão pagar por isso. Um projeto de lei de autoria do deputado estadual Danniel Oliveira (PMDB) entrou em fase final de apreciação nas comissões técnicas e deve ir para votação no começo de novembro. 
“Hoje cerca de 50% das ligações para esses órgãos públicos é trote, um absurdo que pode custar a vida de alguém”, explica o parlamentar. Ele diz que seu projeto estipula multa inicial de R$ 89,00 (Ufir/CE), com o valor dobrando em caso de reincidência e o cancelamento da linha na terceira ocorrência. 
De acordo com Danniel Oliveira, as telefônicas têm como adotar essa medida, porque dispõem do CPF dos donos das linhas. Essa iniciativa, de acordo com o deputado, já está sendo adotada em alguns Estados e têm registrado uma redução de 70% nos trotes. “Se não mexer com o bolso, não resolve!”. Ele lamenta que campanhas de educação sejam frágeis para resolver o problema.
Lá vou eu: Em Camocim, por exemplo, segue sendo grande o número de trotes direcionados ao 190, serviço de atendimento da Polícia Militar. Uma notícia falsa pode enviar uma viatura para uma ocorrência inexistente, enquanto pode ficar sem policiamento uma chamada verdadeira. Que o projeto seja aprovado e colocado em prática. 
Postado por Tadeu Nogueira às 11:48h
Com informações da Coluna Vertical 

Nenhum comentário: