segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

PERDEU A OPORTUNIDADE

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, afirmou que a chacina no bairro Cajazeiras, em Fortaleza, foi ação planejada e organizada (descobriu a pólvora). Ele comparou com os massacres que ocorrem em outros países, que não são ligados a grupos criminosos. 
Apesar da chacina ser a maior da história do Ceará, o secretário afirma que “não há perda de controle”. Ele qualificou o massacre como "caso isolado".
"Estamos trabalhando, não há motivo para pânico ou temor, estamos acompanhando, engajados", garantiu Costa.
Lá vou eu: O midiático, mas pouco resolutivo Secretário, perdeu mais uma oportunidade de ficar calado. Eu diria que o certo seria dizer que não há mais lugar nem para o pânico, que até esse sentimento está sendo pouco diante do cenário que vem se apresentando, não de hoje, em todo o estado, principalmente na capital. O cearense não tem sorte mesmo com "secretários de segurança", sobretudo quando eles abrem a boca.
Postado por Tadeu Nogueira às 08:05h
Com informações adicionais do Jornal O Povo  

Nenhum comentário: