quarta-feira, 7 de março de 2018

ATÉ QUANDO? MAIS UM DIA DE CAOS NO BRADESCO DE CAMOCIM

O que aconteceu ontem, noticiado no Camocim Online, se repetiu nesta quarta-feira (07). 
Filas iniciando na calçada e nenhuma previsão de dinheiro nos caixas eletrônicos. Está sendo esse, novamente, o tratamento ofertado aos clientes pela Agência do Bradesco, em Camocim. 
Na foto ao lado, enviada por um desses clientes, é possível entender um pouco o caos que acontece, principalmente, a cada início de mês.  
Aposentados e pensionistas, sobretudo os da zona rural, são os mais que mais sofrem com a superlotação, calor e falta de dinheiro nos caixas. O espaço físico segue sendo o de mais de 20 anos atrás, mesmo diante do crescimento enorme do número de correntistas e moradores de Camocim e cidades vizinhas. A prática abusiva continua não sendo combatida, de forma efetiva, pelo Ministério Público local. A Defensoria Pública, que chegou a mover ações coletivas em anos anteriores, segue em silêncio.  Ou seja, a população não conta com nenhuma proteção do estado. Cada um que busque socorro por meio de advogado ou acendendo uma vela. 
Postado por Tadeu Nogueira às 12:00h

4 comentários:

Eliza Santana disse...

Falta de respeito com as pessoas.

Eliza Santana disse...

Falta de respeito com as pessoas.

mamadoechapado disse...

População! Chegou a hora de reagir. Ou as agências bancárias fazem valer os nossos direitos ou vamos fazer justiça com as próprias mãos. Passou da conta. Não vamos ficar inertes.

ALEXANDRE TRÉVIA disse...

O prédio não tem estrutura nenhuma para um fluxo de um banco, os caixas rápidos são poucos, e dificilmente funciona todos, e mesmo uma vergonha!