quarta-feira, 30 de maio de 2018

VEREADOR ERASMO USA PISTOLA NA CINTURA DURANTE SESSÃO

O comportamento do Vereador Erasmo Gomes (PR) vem preocupando colegas e frequentadores das sessões. 
Sargento da Marinha do Brasil, atualmente na reserva remunerada por ter sido eleito nas eleições de 2016, recebendo, portanto, como servidor federal e parlamentar, ele foi questionado nas duas últimas sessões legislativas por ter comparecido armado de pistola na cintura ao plenário.
Os pronunciamentos foram feitos pelos vereadores César Veras (PDT) e Zezinho Silva (DEM). Sem permissão para poder portar tal arma, segundo o Vereador César, o Vereador Erasmo ainda fez questão de deixá-la visível. Nas duas vezes em que foi questionado, o Vereador Erasmo, sempre falante, adotou o silêncio como resposta, não dando satisfações à população.  
A atitude do Vereador Erasmo, de caráter intimidador ou de suposta apologia à violência, mesmo nas mais fervorosas discussões já ocorridas sobre ideias conflitantes, nunca havia sido vista no legislativo Camocinense. Além disso, em seu discurso, César Veras lembrou que o Vereador Erasmo chegou a sortear um canivete tático em seu perfil no Facebook, ou seja, uma arma branca. 
Vale ressaltar que o Major Eduardo de Sousa, Comandante da 3ªCIA/3ºBPM, vem lutando incansavelmente, ao lado de parceiros como a Polícia Civil e Secretaria de Segurança do Município, para tirar, através de blitze, todo e qualquer tipo de artefato que possa ser usado para ameaçar, ferir ou tirar a vida de alguém. Tal sorteio vai na contramão do que vem adotando as forças de segurança de Camocim. 
"Fica difícil querer frequentar sessões sabendo que um dos vereadores mais inflamados nos discursos, pode estar armado. Em uma câmara, a única arma deve ser a palavra. Hoje, por exemplo, tem sessão. Ele vai armado de novo? ", disse um internauta, que só soube do caso através dos discursos de César Veras e Zezinho. 
Postado por Tadeu Nogueira às 12:22h

2 comentários:

Carlos Evanmar Moreira disse...

Todo cara que não sabe dialogar, que não aceita críticas ou não tem coragem de enfrentar um homem de verdade, sempre usa de subterfúgios mesquinhos e vulgares ou anda armado.

Charles Nunes disse...

Uma situação bastante complexa que deve ser apreciada pelas autoridades para coibir esse tipo comportamento. Lembrei-me, agora, daquelas cenas do velho Oeste...kkkkk