segunda-feira, 30 de julho de 2018

NEM MEL, NEM CABAÇA

Vereador mais votado em 2016, com 1.803 votos, o tucano Marcos Coelho resolveu alçar "voo solo" nas eleições deste ano. 
Mesmo sendo aliado do ex-prefeito Chico Vaulino, ele não apoiará os candidatos a estadual e federal do seu líder. Levando em conta o fato de ter sido o mais votado da oposição, seus votos farão falta na contabilidade final dos que foram prometidos por Vaulino a Romeu e José Airton. 
Aliás, sobre o pré-candidato a deputado estadual, Romeu Arruda, Marcos Coelho quer a mesma distância que o diabo mantém da cruz. 
Em setembro de 2017, por exemplo, em plena tribuna da câmara, Marcos "descascou" Romeu logo após ter sido informado que ele teria o apoio de Chico Vaulino.
Segundo Marcos Coelho, Romeu tem uma história de traições, é perseguidor de camocinenses, alguém que tem um passado suspeito e que claramente pretende fazer com Chico Vaulino o que fez com "Gui" em Granja, que era líder da oposição e foi colocado no ostracismo por Romeu. 
Marcos Coelho apoiará João Jaime (DEM) e o tucano Roberto Pessoa (foto), para estadual e federal, respectivamente.  
Postado por Tadeu Nogueira às 11:52h

Um comentário:

Carlos Evanmar Moreira disse...

Marcos Coelho é sabido até demais para dá trela para Chico Vaulino e Romeu. eles querem mais é ficar com a bufunfa da venda dos votos dos otarios que seguem suas artimanhas.