segunda-feira, 24 de setembro de 2018

PARALELO 38

Chico Vaulino entrou, definitivamente, em rota de colisão com o grupo de vereadores que abandonou seu bote e fechou acordo com Robério Monteiro, desprezando assim Zé Airton, seu candidato a federal. 
Enquanto nenhum dos lados aceita chegar a uma trégua, a debandada de eleitores pró-candidatura de Sérgio Aguiar para estadual e Leônidas Cristino (federal) segue cada vez maior. Além do racha, a oposição vem sendo desmoralizada com os constantes "furos" de Romeu Arruda, candidato que escolheram para apoiar no âmbito estadual. 
Ele já faltou a comícios realizados por Chico Vaulino, assim como prometeu e não cumpriu com o grupo de vereadores, faltando também ao recente comício, e pelo jeito único, promovido por Juliano Cruz, Júlio César, Ismael Pinheiro e Oliveira da Pesqueira. 
O evento foi um fiasco. Além da ausência do candidato, o público em nada combinou com a votação dos 4 vereadores. O cenário era de campanha de terceira via, piorada.  
Há quem diga que os vereadores, depois da humilhação sofrida, estejam agora pedindo votos apenas para Robério Monteiro. "É muito cacique pra pouco índio", disse um ex-eleitor do grupo da oposição, que agora apoia Sérgio Aguiar. 
Postado por Tadeu Nogueira às 09:05h

Um comentário:

Carlos Evanmar Moreira disse...

O circo está pegando fogo. Queima cabaré.