quarta-feira, 24 de outubro de 2018

EUVALDETE PETISTA E OS REBELDES DA TIJUCA

Segundo postagem atribuída ao Portal de Camocim, site de propriedade do Vereador Erasmo Gomes, a ex-primeira-dama Euvaldete Ferro, atualmente filiada ao MDB, estaria cogitando migrar para o PT. 
Euvaldete segue sendo a candidata imposta por Chico Vaulino, seu esposo, para concorrer, pela segunda vez, ao cargo de prefeita de Camocim nas eleições de 2020. 
Derrotada em 2016 por Monica Aguiar, com mais de 1.300 votos de diferença, Euvaldete, novamente listada como "ficha suja", dessa vez pelo Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE), além de tentar aprovar seu registro junto à justiça eleitoral, vai precisar do apoio do seu próprio grupo político, já que nas eleições deste ano, o racha fez muita água na nau tijucana.  
Nenhum vereador da oposição seguiu Chico Vaulino. Isso resultou no surgimento de uma terceira via. E isso foi sentido nas urnas. Chico, que sempre alega dar votos "casados", só conseguiu transferir 5.343 votos para seu federal e estadual. Por outro lado, seus ex-subordinados deram 3.655 votos, tirando de Vaulino metade do seu poder de barganha. Teve ainda os 2.657 votos de Erasmo Gomes para federal, ironicamente, líder da bancada de oposição, indicado por Vaulino.    
De acordo com uma fonte do blog, esses dissidentes têm outros planos para as eleições municipais. Nomes como Juliano Cruz e Erasmo Gomes, que se apresentam como "fichas limpas" e seguiam caninamente Chico e Euvaldete, indicam, há meses, que não querem mais a "ficha suja" Euvaldete como aliada, mas sim como concorrente, se a justiça assim permitir. 
Postado por Tadeu Nogueira às 09:18h

Um comentário:

Carlos Evanmar Moreira disse...

O barco da oposição falida está afundando rapidamente e os ratos estão abandonando-o para sobreviverem. Pelo andar da carruagem,o único que vai sucumbir agarrado ao seu adestrador é o blogueiro medíocre do blog desacreditado.