quinta-feira, 20 de dezembro de 2018

FICA A DICA: APITOS ANTI-ASSÉDIO EM ÔNIBUS E VANS

Em várias partes do país, associações adotaram o apito como forma das mulheres denunciarem casos de assédio sexual no transporte público. 
Ao chamar a atenção para o agressor, as usuárias podem impedir a violência. 
Há algumas semanas atrás, denunciamos no Camocim Online supostos casos de assédio ocorridos em uma das vans que fazem o trajeto Granja-Camocim-Granja. 
Mal foi postada, a matéria repercutiu fortemente entre usuários do referido veículo, sobretudo entre as mulheres, as principais vítimas. 
O suspeito, mesmo sem ter sido citado nominalmente na publicação, foi apontado por centenas de pessoas através das redes sociais e grupos de whatsapp. 
No intuito de prevenir novos casos, o Camocim Online sugere que a tática do apito seja adotada em Camocim, Granja e demais cidades que utilizam o transporte intermunicipal. 
Dessa forma, quem for vítima de abuso sexual dentro dos veículos que fazem o transporte público na região, vai poder alardear o crime, apontando o acusado, conseguindo assim mobilizar apoio até que formule a denúncia por meio de uma Delegacia de Polícia. 
Antes, porém, é preciso que motoristas e cobradores recebam orientação profissional sobre crimes praticados contra a mulher. Fica o "apito". 
Postado por Tadeu Nogueira às 11:22h

Nenhum comentário: