sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

GRANJA: ANUNCIADO EM 2013, SHOPPING ARTESANAL SEGUE COMO TERRENO BALDIO

"O centro de Granja será beneficiado em breve com um Shopping Artesanal. As obras deverão ser iniciadas ainda este ano. 
Mais de 200 empregos diretos serão oferecidos. Serão dois andares, com 104 boxes e 1.500m² de área". 
As palavras acima foram ditas publicamente, em 2013, pelo então Prefeito Romeu Arruda. 
Alegando urgência, o Prefeito Romeu ordenou a imediata desapropriação do terreno à época, despejando dezenas de ambulantes. Foi tanta pressa que teve o caso de um comerciante expulso durante a madrugada, quando foi surpreendido por retroescavadeiras. 
Na manhã desta sexta-feira (28), um Granjense que mora em São Paulo, enviou a foto ao lado. Com ela veio a seguinte mensagem: 
"Eu estava em Granja quando escutei a promessa do prefeito. Nos quase 6 anos depois disso, tenho vindo de férias para minha terra e vejo com tristeza que nada foi feito, nem mesmo o alicerce". 
O terreno, já considerado baldio, serve de estacionamento improvisado no verão. No inverno se transforma em um imenso lamaçal. Já os ambulantes que foram expulsos com a promessa de que ganhariam boxes, seguem trabalhando sob sol e chuva no calçadão do mercado público, que por sua vez corre risco de desabar, segundo seus ocupantes.  
O Shopping Artesanal existe apenas na maquete. Mais uma da coleção. Já a verba, essa foi enviada há tempos para a Prefeitura de Granja, através do Ministério do Turismo. 
O valor, cujo paradeiro os Granjenses  desconhecem, foi de R$ 1.519.800,20. 
O assunto é proibido na Prefeitura de Granja.  
Postado por Tadeu Nogueira às 10:50h

Nenhum comentário: