segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

CAMOCIM: CRESCE RACHA ENTRE VEREADOR JULIANO E CHICO VAULINO

Não dá mais para tapar o sol com a peneira. O racha entre o  Vereador Juliano Cruz e o ex-prefeito de Camocim, Chico Vaulino já é visível até para o pior dos míopes.  
Juliano, que nutre um "ranço", desde que foi, segundo ele próprio, enrolado por Chico Vaulino, da promessa não cumprida da doação de um terreno, durante sua passagem pela presidência do legislativo (2009-2010), no qual pretendia construir a sede da câmara,  encontrou em Romeu Arruda a saída para deixar de "engolir" Chico e sua trupe. 
À época, Chico entendeu a intenção de Juliano como uma forma de criar "asa", tornando-se uma alternativa como candidato a prefeito em 2012. Chico não doou o terreno, abortando assim o voo solo de Juliano. Ficou essa "espinha" na garganta. 
Juliano, depois que deixou de tomar "café com Chico", nunca mais visitou o antigo ninho. E isso já faz um bom tempo. Sentido-se confortável sob as asas do líder da oligarquia Arruda, ressuscitou o interesse em ocupar o gabinete da Praça Severiano Morel, térreo. 
Juliano passou a citar o nome de Chico Vaulino apenas quando ordenado pelo seu "chefe". Dá para notar uma quase paralisia facial quando ele precisa fazer isso. 
Sobre o apoio à candidatura da Euvaldete Ferro então, além de ser forçado quando manifestado, não condiz com a realidade. E é fácil provar. 
Em momento algum, Juliano expôs esse apoio ao lado de Chico e Euvaldete. Não há evento em que os três apareçam juntos. Para completar, durante os comícios na campanha para deputado, Juliano estava entre os vetados para subir no palanque organizado por Chico. E olhe que isso com o candidato a estadual sendo o mesmo. 
Ou seja, Juliano diz estar do lado de Chico, mas não aparece ao seu lado fisicamente. O apoio, segundo apoiadores de Vaulino, também se dá pelo fato dele não querer perder votos dos eleitores do ex-prefeito. Já Chico, esse faz o sinal da cruz (sem trocadilho), quando alguém cita o nome de Juliano. O mesmo faz Euvaldete. 
A pá de cal ficou embutida em um áudio que teria vazado neste domingo (27), mais um, onde Juliano teria ofendido os correligionários de Chico Vaulino.
O áudio gerou ira entre os ofendidos e mostrou mais uma vez que o tal apoio de Juliano tem o peso de uma pena em pleno vento terral. 
Juliano ainda está sendo acusado, por aliados de Chico, de conspirar, nos bastidores, para impossibilitar a candidatura de Euvaldete. Sem ela, ele estaria pronto para ser o que Chico impediu ao não doar o terreno. Haja sinal da cruz. 
Postado por Tadeu Nogueira às 11:58h

2 comentários:

ERASMO GOMES disse...

Para um blog que aparenta ter compromisso com a verdade "omitir" meu esclarecimento público em vídeo feito momentos depois do ocorrido sobre o fato, é no mínimo estranho ou esperado.
Ainda cita: “ ... Esperava-se que ele fosse o primeiro a colocar um comunicado em seu no site e redes sociais. “ Isso foi feito no dia nobre blogueiro, mas sabemos a real intensão do texto. Mesmo não dando muita atenção para textos tendenciosos, sugiro que o blogueiro poste o vídeo, é público.
Vídeo: https://www.facebook.com/erasmo.gomes.376258/posts/242810366641390

Camocim Online disse...

Você comentou na postagem errada, vereador, mas vamos lá.
Hoje, após a matéria, fomos informados que o senhor gravou um vídeo, colocando apenas no seu perfil pessoal. De imediato publicamos o seguinte:

Atualizando às 11:50h - Foi encontrado um vídeo, gravado pelo Vereador Erasmo, na noite do mesmo dia do acidente, em que ele relata o fato, porém, nada comenta sobre que procedimentos legais foram feitos junto ao Departamento Municipal de Trânsito e Delegacia de Polícia Civil, já que houve vítima com lesão corporal grave.

Ou tem outro vídeo falando sobre o senhor ter cumprido a lei e comunicado o fato às autoridades? Isso é cobrado de qualquer pessoa que gere um acidente com vítima, ou não?
E quem disse que o senhor nada havia postado, foi uma pessoa da comunidade e não o blog. Isso está claro na matéria.

Atenciosamente,
Tadeu Nogueira