quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

CRISE DAS LARANJAS: FILHO DE BOLSONARO DESMENTE MINISTRO

O filho do presidente Jair Bolsonaro Carlos Bolsonaro, vereador do Rio pelo PSC, abriu uma crise no governo nesta quarta-feira (13). 
Ele disse que o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, do PSL, mentiu ao afirmar que falou na terça-feira (12) três vezes com o presidente como prova de que não estaria para ser demitido por conta de uma denúncia do jornal “Folha de S.Paulo”.
No domingo (10), uma reportagem da “Folha de S.Paulo” mostrou que o PSL, partido de Bolsonaro, deu R$ 400 mil para uma candidata laranja em Pernambuco.
De acordo com a reportagem, o grupo do atual presidente do PSL, Luciano Bivar, criou uma candidata laranja na eleição de 2018.
O dinheiro do fundo partidário foi enviado pela direção da sigla, segundo o jornal. Na época, o hoje ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, era o presidente do partido. Essa denúncia fez surgir rumores de que Bebianno poderia ser demitido do cargo.
Bebianno negou haver uma crise no governo. 
Lá vou eu: Rapaz, quem tem filhos como esses de Bolsonaro, é bom pensar duas vezes antes de se candidatar. A oposição não precisou se mexer desde a posse. 
Postado por Tadeu Nogueira às 10:45h
Com informações do JN 

Nenhum comentário: