sexta-feira, 15 de março de 2019

REVOLTA EM GRANJA: CIDADE ESTÁ HÁ QUASE 2 MESES SEM TRANSPORTE ESCOLAR

Crianças e adolescentes que estudam nas escolas municipais de Granja seguem sem transporte escolar. As aulas começaram em fevereiro. 
Procurada pela Vereadora Paloma Aguiar no final de fevereiro, a Secretaria de Educação informou que o serviço seria iniciado logo após o carnaval. 
A promessa não foi cumprida. A falta de transporte escolar tem sido criticada de forma viral nos perfis das redes sociais de pais e alunos. 
A revolta com o descaso cresceu nesta quinta-feira (14), logo após a especulação de que Wesley Safadão poderá ser uma das atrações do festival de quadrilhas da cidade, evento que acontecerá somente em julho.    
"É revoltante sabermos que a administração de Granja corre para priorizar o anúncio de uma atração musical caríssima para um festival, para julho, e segue calada a respeito da falta de transporte para nossas crianças", disse um pai de aluno. 
Segundo a Vereadora Paloma, além da ausência de veículos, a Prefeita Amanda Arruda adotou o silêncio em relação à necessidade de concurso para professores. 
"Mesmo que o transporte volte, lembrando que várias estradas estão intransitáveis devido à falta de reparos no inverno, faltam professores em várias escolas", disse Paloma. 
Ironicamente, escolas que estão sem professores e com alunos em casa, por falta de transporte, foram consideradas Nota 10 no ano passado. 
Ainda sobre a situação, Adauto Barbosa postou em seu perfil no Facebook: "Senhora prefeita, faça alguma coisa porque no próximo mês já tem prova e como eles irão fazer provas sem terem participado de um dia de aula".
Postado por Tadeu Nogueira às 08:18h

Nenhum comentário: