terça-feira, 12 de março de 2019

VIGILANTES DA POLICLÍNICA E CEO SEM RECEBER SALÁRIOS

Vigilantes da Policlínica e do Ceo Regional de Camocim estão com os salários atrasados novamente. 
O atraso passou a ser prática na gestão Júnior Fontenele (foto), Prefeito de Martinópole, eleito presidente do Consórcio Público de Saúde em março de 2017. 
Prestes a sair do cargo, Fontenele já está sendo lembrado por ter quebrado a instituição. 
Além de atrasos salariais, o indicado do deputado estadual Romeu sairá pela "porta dos fundos"  com dívidas trabalhistas e calotes a fornecedores. 
Postado por Tadeu Nogueira às 20:41h

3 comentários:

Zé Maria disse...

Administração.dissastrosa ,uma vergonha para todos os municípios que fazem o consórcio.

Joanna disse...

Mas o deputado Romeu tem compromisso com o povo???kkkkk

Brown disse...

Quando foi isso??kkk