sábado, 18 de maio de 2019

INÊS É MORTA

A semana que culminou com o presidente Jair Bolsonaro confessando suas dificuldades para governar revelou uma inesperada virada de mesa no Congresso. Irritado com o desprezo do Planalto à interlocução política, um grupo de deputados liderado pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), trabalha em uma nova proposta de reforma da Previdência. 
A decisão foi tomada na última quinta-feira (16), em reunião na casa de Maia. 
Segundo revelou o presidente da comissão especial da Previdência, Marcelo Ramos (PR-AM), a iniciativa é a única chance de aprovação da matéria diante da inabilidade de Bolsonaro para se relacionar com os parlamentares. 
Lá vou eu: Era esperado isso. Bolsonaro prioriza prêmios e viagens aos EUA. Que idolatria é essa pelo Tio Sam? Nunca vi igual. Agora ele encontrou a "forma do pé".
Postado por Tadeu Nogueira às 10:56h 

3 comentários:

Zé Maria disse...

Se continuar dessa forma de governar , vamos sentir falta do Governo Temer, o Cantor Lobão que apoiou Bolsonario foi mais longe e disse : vamos sentir falta do Governo Lula .

Adilson Zeferino disse...

Inabilidade = troca de cargos públicos e favores políticos.
O Legislativo é o menos interessado em promover algo de bom p Brasil.
Um bando de politiqueiros especializados em escoar os cofres públicos p bolso deles.
O pior disso tudo, é q todos os q estão lá é pq receberam votos suficientes p assumir o cargo.
O POVO TEM OS POLÍTICOS Q MERECEM

Will Brasil disse...

Não dar pra governar onde a maioria dos políticos são corruptos!