quinta-feira, 2 de maio de 2019

PROFESSORES DE BARROQUINHA SEGUEM SEM REAJUSTE DO PISO

O Prefeito de Barroquinha, Ademar Veras, segue se recusando a reajustar, de forma linear, ou seja, para todos os níveis, o piso salarial dos professores da rede municipal de ensino. A categoria já entrou no quinto mês do ano sem direito ao índice de 4,17%. 
O reajuste é obrigatório. Ademar, que é professor sabe, mas continua, sem cerimônia alguma ignorando isso. 
O Conselho do Fundeb e Sindicato Apeoc já manifestaram todo o descontentamento possível a respeito da situação, porém, nada faz o "Professor" Ademar mudar a postura. 
O sofrimento dos educadores ainda conta com outro motivo. O Prefeito Ademar Veras não costumar pagar em dia. No final do ano passado por exemplo, os professores chegaram a amargar até três meses de atraso. 
Nesta sexta-feira (03) pela manhã, membros da Apeoc farão um pronunciamento a respeito das consequências para os professores, até o momento, da ausência de reajuste. Também falarão sobres a correção dos recursos do Fundeb. 
Postado por Tadeu Nogueira às 16:32h

Nenhum comentário: