quarta-feira, 12 de junho de 2019

CGE E TCE INICIARÃO AUDITORIA DO CONSÓRCIO DE SAÚDE DE CAMOCIM

A Controladoria-Geral do Estado do Ceará (CGE-CE) e o Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE) deram, nesta terça-feira (11), os primeiros passos para a realização da auditoria no Consórcio de Saúde de Camocim. O de Iguatu e Vale do Curu também estão na lista. 
Cada consórcio será analisado separadamente e, apenas após a conclusão, serão iniciados os trabalhos do próximo equipamento. O de Camocim será o primeiro a ser auditado e o do Vale do Curu, o último. 
O Consórcio de Saúde de Camocim já responde a diversas ações na justiça por calotes praticados contra ex-servidores e fornecedores. 
O controle do órgão está nas mãos do deputado estadual Romeu Arruda desde 2018, quando seu preposto, o prefeito de Martinópole, Júnior Fontenele, assumiu a presidência.  
Em 2019 emplacou sua sobrinha, a prefeita de Granja, Amanda Arruda.
Postado por Tadeu Nogueira às 12:29h
Com informações adicionais do DN

Um comentário:

Zé Maria disse...

Só por acaso tiver alguma punição, só quebra no mais fraco, que era o Prefeito Junho Fontinele ,que foi o Presidente do Consórcio de Camocim,quem manipulava é continua mandando por trás, não pega nada é não dar em nada , isso é que é a verdade ,quem for vivo veras .