quinta-feira, 27 de junho de 2019

PSL CEARENSE RACHA DE VEZ E GUERRA INTERNA É DECLARADA

Os deputados estaduais André Fernandes e Delegado Cavalcante, ambos do PSL, entraram ontem com pedido de intervenção da executiva nacional da legenda no diretório cearense, dirigido pelo deputado federal Heitor Freire. Protocolado em Brasília, o documento escancara de vez o racha na sigla.
No pedido, os parlamentares acusam Freire de agir ao "arrepio da lei" e de burlar o "estatuto da legenda" como presidente do partido no Ceará. Também alegam que o chefe da executiva estadual promoveu nomeações irregulares de membros, desgastou a imagem do PSL e descumpriu o regimento interno e o código de ética da agremiação.
Para os pesselistas, o correligionário faz perseguição política, mau uso dos recursos da entidade e adota "comportamento incompatível com o cargo", além de desrespeitar a isonomia dentro da legenda. Como exemplos, citam a dissolução do diretório de Fortaleza, antes presidido por André Fernandes, destituído do posto após ação de Heitor no começo deste mês. Leia mais AQUI
Postado por Tadeu Nogueira às 09:10h
Com informações do Jornal O Povo 

Um comentário:

Zé Maria disse...

Tem que resolver os problemas interno , e ter muitos candidatos a Prefeito no próximo ano no Ceará, onde vai surgir novos líderes , faz parte da democracia, onde o cidadão tem opção de escolher seu candidato preferido .