quarta-feira, 7 de agosto de 2019

ROMEU QUER AUMENTAR NÚMERO DE VEREADORES DE GRANJA

O tal dique de proteção contra enchentes, prometido às pressas como obra certa pelo deputado Romeu Arruda, em meio à enchente deste ano em Granja, chegou a levar alguns moradores a achar que dessa vez algo iria ser realmente feito para combater um mal que assola a cidade há mais de 50 anos. 
Porém, quase 7 meses depois, absolutamente nada foi feito. O assunto morreu na boca de Romeu.  
De volta do recesso nesta quarta-feira (07), a Câmara de Granja tinha tudo para retomar os trabalhos, priorizando ações no sentido de prevenir a administração sobre o inverno de 2020, cobrando, por exemplo informações sobre o "Dique de Virtual".
Que nada. Na sessão de hoje, a mando do deputado Romeu Arruda, a prioridade será votar um projeto de emenda à lei orgânica do município, apresentado pela Mesa Diretora, aumentando de 13 para 15 o numero de vereadores da cidade. Essa vai ser a prioridade. 
O aumento de vereadores atende, não a um interesse da população, que já se mostrou contra o projeto nas ruas e em uma enquete, mas sim ao deputado Romeu, que planeja com isso acomodar, com o salário de R$ 9.500,00 cada, pagos pelos Granjenses, mais dois aliados. 
Segundo cálculos preliminares, 2 vereadores "extras" aumentarão a despesa da Câmara de Granja, ao final de 4 anos, em quase R$ 1 milhão de reais. Isso sem contar com o pagamento de assessores e das mordomias. Já sobre o dique, o silêncio reina. 
Romeu comanda 11 dos 13 atuais vereadores de Granja. Alguma dúvida sobre o resultado da votação? 
Postado por Tadeu Nogueira às 10:12h

5 comentários:

Anônimo disse...

É O Caio que é um verdadeiro capacho

Anônimo disse...

Contratados se preparem outubro voces começa a perde o emprego ROMEU ARRUDA E UM CARA CRUEL.PELO MENOS ESMERINO ARRUDA DEIXAVA OS CONTRATADO TRABALHAR O ANO TODO

Anonimo disse...

Pra quê né?

Anônimo disse...

Ditador Enrolomeu Aldiguere

Anônimo disse...

Fui botado para fora e nem me chamaram porque eu sou apenas um contratado como se a gente não precisasse de emprego mais minhas portas estão abertas pra eles