quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

GRANJA: HOMEM MORRE APÓS SUPOSTA TORTURA

A afirmação de que Antônio Costa teria sido torturado até a morte vem ecoando nas redes sociais desde o final da tarde dessa quarta-feira (29). 
Segundo informações obtidas pelo blog, Antônio Costa, que morava em Timonha, distrito de Granja, trabalhou até por volta de meio-dia em um depósito de material de construção, como fazia rotineiramente. 
A partir daí, comenta-se que, após chegar em casa, ele teria sido abordado por policiais do BPRaio de Granja, que passaram a fazer uma revista na residência.  
Horas depois, ele teria sido levado até a Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas, na sede do município, pelos mesmos policias que estavam em sua casa. Antônio acabou falecendo.  
Fabrícia Rodrigues, irmã da vítima, postou em seu Facebook: "A polícia de Granja matou você, meu amor. A justiça dos homens falha, mas a de Deus nunca falha". 
Mais de 24 horas após a morte de Antônio, nenhum comunicado oficial foi emitido pelo Comando do BPRaio, no intuito de esclarecer o que teria ocorrido.  
A família de Antônio, de acordo com relatos postados no Facebook, vem demonstrando revolta pela morte e também com a falta de explicações por parte da polícia.  
Postado por Tadeu Nogueira às 15:54h

24 comentários:

Bakunin disse...

Tem que ser investigado e os culpados punidos podia ser qualquer pai de família lobos em pele de cordeiro s, não se enganem com esses heróis facistas.

Unknown disse...

Já era de se esperar que qualquer hora aconteceria uma dessa, relatos
de torturas por parte do raio vem acontecendo quase diariamente exclusive a sacola na cabeça e afogamentos em baldes com água

Unknown disse...

Sem falar logo após o ocorrido, retornaram três viaturas e limparam a casa da vítima, vários vizinhos testemunharam isso

Unknown disse...

Policia abusaa do poder ....elis nao tem o direito de andar batendo em niguém ....e a familia do rapaz como fica????

Carlos disse...

Esa porra de polícia e pra proteger nós cidadão .não tá torturando pra fazer mídia e dizer que tirou mas um de circulação.eu acredito que o raio de granja matou um cidadão

Unknown disse...

Eles so torturas pessoas inocentes

miraci disse...

São uns covardes o cara trabalhar não favia mau a ninguém,isso foi um assassinato pelos BP Raio de granja...

sargento ESIO !!! disse...

A familia desse jovem se tiver interesse em levar ao conhecimento do Ministério Público Militar, assim como também levar ao conhecimento(abrir IPM) do controlador geral de Disciplina dos órgãos de segurança pública do Ceará(abrir sindicância devido os PMs geralmente desse Grupo RAIO serem recrutas(novatos na PM, conforme lei 13.407-código de ética da PM),sem ônus, entre em contato com sargento ESIO !!! sargentocruz10@gmail.com lei 13.407 Dos Deveres Militares Estaduais


Art. 8º. Os deveres éticos, emanados dos valores militares estaduais e que conduzem a atividade profissional sob o signo da retidão moral, são os seguintes: IV - servir à comunidade, procurando, no exercício da su­prema missão de preservar a ordem pública e de proteger a pessoa, promover, sempre, o bem estar comum, dentro da estrita observância das normas jurídicas e das disposições deste Código; XXV - atuar com prudência nas ocorrências militares, evi­tando exacerbá-las; XXVI - respeitar a integridade física, moral e psíquica da pessoa do preso ou de quem seja objeto de incriminação, evitando o uso desnecessário de violência; XXIX - observar os direitos e garantias fundamen­tais, agindo com isenção, eqüidade e absoluto respeito pelo ser humano, não se prevalecendo de sua condição de autoridade pública para a prática de arbitrariedade; Da Violação dos Valores, dos Deveres e da Disciplina


Seção I

Disposições Preliminares


Art. 11. A ofensa aos valores e aos deveres vulnera a disciplina militar, constituindo infração administrativa, penal ou civil, iso­lada ou cumulativamente.


§ 1º. O militar do Estado é responsável pelas decisões que tomar ou pelos atos que praticar, inclusive nas missões expressamente determinadas, bem como pela não-observância ou falta de exação no cumprimento de seus deve­res. ARTIGO 11 § 4º A disciplina e o comportamento do militar estadual estão sujeitos à fiscalização, disciplina e orientação pela Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário, na forma da lei: (redação dada pela Lei N° 14.933, DE 08.06.11)


I - instaurar e realizar sindicância por suposta transgressão disciplinar que ofenda a incolumidade da pessoa e do patrimônio estranhos às estruturas das Corporações Militares do Estado;

II - receber sugestões e reclamações, dando a elas o devido encaminhamento, inclusive de denúncias que cheguem ao seu conhecimento, desde que diversas das previstas no inciso I deste parágrafo, bem como acompanhar as suas apurações e soluções;

III - requerer a instauração de conselho de justificação ou disciplina ou de processo administrativo-disciplinar, bem como acompanhar a sua apuração ou solução; CONTATO : sargentocruz10@gmail.com

Jose Carlos disse...

Quando a sociedade cala-se diante de graves denúncias como essas que são corriqueiras, essa dita sociedade torna-se refém do seu próprio silêncio.

Jose Carlos disse...

Não é a primeira nem segunda vez que as forças de segurança publica da nossa região são acusados de atos de repúdio da sociedade, varias denucias sao feitas e nenhuma medida é tomada nem pelo MP, CGD, muito menos por seu comando local

Unknown disse...

Matarao um homem do bem e trabalhador a justiça de Deus e maior

Unknown disse...

Isso vai servi de exemplo pra sociedade e pro estado q defende muito eles. Eles faz tudo e não tem justiça pra eles, ai e q eles faz msm??

Anônimo disse...

Queremos justiça nenhuma polícia tem o direito de interroga sem a presença de um advogado E não tem o direito em impitece alguma de agredir ou tortura e ilegal e imoral queremos justiça

Unknown disse...

O blog Camocim 24hs abafou o caso. E até o momento nao publicou nada sobre o caso.

Jose Carlos disse...

Já que o comandante não afastou seus subordinados das ruas ou mesmo prendeu eles, o comando geral deveria afastar imediatamente o comandante do BPraio de granja

Ibiapina News disse...

E a Câmara Municipal já se manifestou a respeito?
Algum Vereador já se posicionou?

Bakunin disse...

Mais um crime! Adulteraram a cena do crime.

MIRANDA disse...

ABSURDO!!!!!! REPUGNANTE!!!!!! CULPA DESSE GOVERNO MEDÍOCRE E FACISTA, QUE INCENTIVA A MATANÇA DO POVO E A IMPUNIDADE DE MILITARES!!

anônimo disse...

Comentário mais massa que li.

Unknown disse...

Eles vão ter que paga oque eles fizeram cm meu irmão ele não era um bandido e msm que fosse Esso que eles fizeram n justifica

Unknown disse...

verdade

Unknown disse...

A mim, nunca me torturaram.

Ilmar disse...

Não é defendendo o raio, mas as x que fui parado eles mim parou e mim interrogou,e não axei rui rao..e forao nós padrão deles, agora tem muita gente , que er parado pelo o raio, q ficar cheio de moral...e em nenhum momento não mim senti humilhado...respondi tudo que eles perguntaram, e pediu até a senha do meu Cel e sei. Eu na tava devendo nada mesmo.e achei que estava no poder deles...não sei si eles matou um inocente, mais o que tem de bandidos ai Achando rui com as chegada do raio, e tem tem muita gente d bem a gradecendndo também,eu mesmo já senti a região bastante tanquila a vista do que era antes, que não podia andar direito de tanto medo que tinha....obs: não estou defendendo raio.no conheço ninguém do raio.e. Ao tenho familiares do raio

Brown disse...

Acho q o ministério publico foi conivente,pois já existe várias denúncias contra as ações truculenta do BP de granja,e digo mais se não tiver punição,vai ter mais não vai ser a primeira.