segunda-feira, 6 de janeiro de 2020

PERIGO E OMISSÃO EM GRANJA

Em Granja, moradores da Favela do Oiteiro temem que uma tragédia ocorra a qualquer momento em uma ponte que faz divisa com a área central da cidade.  
Uma ponte, que fica sobre a Lagoa Grande, não tem proteção lateral. 
O perigo é constante, principalmente para idosos e crianças. 
Apesar da proximidade com o centro, a Favela do Oiteiro é uma das áreas mais afetadas pelas enchentes anuais. 
Entre fevereiro e maio, por conta das chuvas, a Lagoa Grande transborda, desabrigando dezenas de famílias. 
Como o dique de proteção, prometido ainda em abril de 2019 pelo deputado Romeu Arruda, não saiu do papel, apesar da verba liberada, segundo ele, de R$ 3 milhões, a Favela do Oiteiro já se prepara para mais uma inundação. 
Como se não bastasse a ausência de proteção lateral, a ponte só suporta um carro de cada vez. Segundo o Vereador Deoclecio Sobrinho (PSD), da oposição, um requerimento de sua autoria pedindo providências foi ignorado pela prefeita Amanda Arruda (PDT). 
Postado por Tadeu Nogueira às 11:51h

3 comentários:

Ô sonhador disse...

Kd o dinheiro que tava aqui...��

Ô sonhador disse...

Kd o dinheiro que tava aqui...?😡

Unknown disse...

Já tem muitos anos que os moradores de lá sofrem com alagamento e outras coisa mais que se for citar dar um livro e nem um dos responsáveis fazem nada