quarta-feira, 29 de abril de 2020

BOLSONARO AMPLIA LISTA DE SERVIÇOS ESSENCIAIS

Um dia após o Brasil ter ultrapassado a marca de 5 mil mortes, ficando à frente da China em óbitos pelo Coronavírus, a presidente Jair Bolsonaro editou um novo decreto para ampliar a lista de serviços essenciais que podem funcionar na pandemia.  
Nesta terça-feira, 28, quando questionado sobre o dado o presidente Bolsonaro disse: "E daí? Lamento. Quer que eu faça o quê? Eu sou Messias, mas não faço milagre".
Dentre as novas atividades listadas como essenciais, o decreto traz: transporte, armazenamento, entrega e logística de cargas em geral; serviços de comercialização, reparo e manutenção de partes e peças novas e usadas e de pneumáticos novos e remoldados; serviços de radiodifusão de sons e imagens; atividades exercidas por empresas startups; comércio de bens e serviços, incluídas aquelas de alimentação, repouso, limpeza, higiene, comercialização, manutenção e assistência técnica automotivas, de conveniência e congêneres, destinadas a assegurar o transporte e as atividades logísticas de todos os tipos de carga e de pessoas em rodovias e estradas; locação de veículos; atendimento ao público em agências bancárias, cooperativas de crédito ou estabelecimentos congêneres, referentes aos programas governamentais ou privados destinados a mitigar as consequências econômicas da emergência de saúde pública.
Postado por Tadeu Nogueira às 11:33h
Com informações do DN

Nenhum comentário: