quarta-feira, 8 de abril de 2020

MORADORES PRESOS PELOS PÉS POR DESRESPEITO À QUARENTENA

Na última semana, a prefeitura municipal de Tuchín, em Córdoba, na Colômbia, aqueles que são flagrados vagando pelas ruas sem motivo, infringindo a quarentena obrigatória, podem receber o castigo de serem presos pelos pés em uma estrutura de madeira conhecida como cepo em uma das praças públicas da cidade.
De acordo com o prefeito Alexis Salgado, apesar de não utilizada há alguns anos, a medida é prevista em lei. 
O prefeito afirmou que, em poucas horas da aplicação do castigo, os resultados foram favoráveis e o tráfego de pessoas nas ruas diminuiu. 
No primeiro dia que o cepo foi usado para punir os que não estavam cumprindo a quarentena, pelo menos uma dúzia de pessoas tiveram os pés presos por meia hora numa espécie de "socialização". A intenção é aumentar o tempo desse castigo.
Lá vou eu: Se a moda pega por aqui, ia faltar madeira.  
Postado por Tadeu Nogueira às 09:03h
Com informações da Época 

Nenhum comentário: