sexta-feira, 19 de junho de 2020

ANALFABETISMO FUNCIONAL OU MÁ-FÉ?

Na matéria postada nesta quarta-feira (17), intitulada "DEPUTADO ROMEU MENTIU: HOSPITAL DE CAMOCIM ATENDE COVID-19", em momento algum afirmamos que o Hospital Murilo Aguiar, de Camocim, havia recebido pacientes de Covid-19, oriundos de Granja, Chaval, Barroquinha e Martinópole. 
A matéria, claramente, inteligível até para uma criança em início de escolaridade, diz, textualmente, o seguinte (segue o trecho): 
"...a instituição criou 10 novos leitos para atender pacientes com Coronavírus, inclusive recebendo, em caso de ser regulado pelo governo do estado, pacientes de Granja, Chaval, Barroquinha e Martinópole". 
Ou seja, se for regulado. Se...
No intuito de desviar o foco da sua mentira inicial, o deputado parece ter decidido, de forma proposital, claro, desvirtuar o que realmente publicamos. Não é a primeira vez que ele age assim. Seu modus operandi é conhecido no meio jornalístico.  
Enfim, vamos relembrar a mentira do deputado, revelada pela matéria de quarta (17): 
Em Granja, durante entrevista concedida à emissora de sua propriedade, a Liberdade FM, o deputado estadual Romeu Arruda produziu, na região, uma das maiores fake news dessa pandemia, prática essa que virou crime no estado e recorrente em seu currículo.  
Ao comentar sobre o Hospital Murilo Aguiar, de Camocim, o parlamentar disse que a instituição não possuía ala para pacientes com Covid-19.  
Acontece que, segundo a direção do Hospital Deputado Murilo Aguiar, ao contrário do que afirmou o deputado Romeu, a instituição criou 10 novos leitos para atender pacientes com Coronavírus, inclusive recebendo, em caso de ser regulado pelo governo do estado, pacientes de Granja, Chaval, Barroquinha e Martinópole. 
Além desses 10 leitos, há outros 12, implantados na UPA local.   
O treinamento (foto) dos profissionais dessas duas unidades de saúde foi feito pela Dra. Taís Leão e o Dr. Tarcylio Esdras, ambos médicos da UPA do Cristo Redentor, em Fortaleza.
O resultado pode ser visto nas redes sociais, com pessoas recuperadas da Covid-19, que estavam internadas no Hospital Murilo Aguiar. 
Postado por Tadeu Nogueira às 19:41h

Nenhum comentário: