terça-feira, 14 de julho de 2020

MARCOS COELHO É CHAMADO DE "CACHORRO" E EXPULSO DE GRUPO A MANDO DE CHICO VAULINO

O vereador Marcos Coelho foi expulso do grupo de whatsapp de oposição denominado "Unidos da Tijuca", principal ferramenta de reunião virtual dos políticos e apoiadores diretos do casal Chico Vaulino e Euvaldete Ferro. 
A confusão começou quando Marcos Coelho passou a criticar o ato realizado pelos vereadores Erasmo Gomes e Juliano Cruz, no último sábado (11). 
Os dois colocaram dezenas de cruzes negras em cima e no entorno do letreiro turístico de Camocim, afirmando ser uma homenagem aos mortos pela Covid-19.  
A atitude revoltou a população, principalmente os parentes das vítimas. O ato foi visto como oportunismo político, como uma forma de fazer campanha em cima do sofrimento das famílias. 
Por outro lado, a posição de Marcos Coelho foi criticada pelo principal assessor de Chico Vaulino, que saiu em defesa de Erasmo e Juliano. 
Como resposta, Marcos disse que tal defesa era porque o dito assessor tinha recebido R$ 500 reais do vereador Erasmo Gomes, justamente para defendê-lo. Disse ainda que o próprio Erasmo havia dito que pagou essa quantia. 
Em represália, com autorização de Chico Vaulino e Euvaldete Ferro, que apoiaram o ato das "cruzes negras", Marcos foi expulso do grupo de whatsapp, com direito a ser chamado de "cachorro" pelo tal assessor, em áudio que circula pela cidade. 
"A ordem partiu do Chico e da Euvaldete, até porque esse assessor não tem autoridade para decidir algo dessa importância, ou seja, expulsar um vereador", disse uma fonte do blog. 
Postado por Tadeu Nogueira às 11:55h

Manifestação de Marcos Coelho sobre a matéria acima: 

Caro Tadeu Nogueira,
Editor do Blog Camocim Online
Em respeito ao seus milhares de leitores e exercendo direito de resposta à sua postagem no dia de hoje, intitulada: "Marcos Coelho é chamado de cachorro  e expulso do grupo a mando de Chico Vaulino", informo que não há qualquer fato me distanciando, pessoal e politicamente, do ex-prefeito Chico Vaulino e Euvaldete Ferro, nossa futura Prefeita.
O restante é fake news, produzida por sua fonte.
Única verdade é que um cidadão desautorizado, e sem qualificação moral, resolveu me atacar publicamente.
E sobre o referenciado grupo de whatsapp, cujo administrador é esse desequilibrado cidadão, ele pode tirar e colocar que desejar. Qual o problema?
Agradeço a justa e honesta publicação, restabelecendo a verdade.
Camocim, 14/07/2020

Lá vou eu: Em momento algum citamos algum distanciamento entre Marcos Coelho e Chico Vaulino. Apenas destacamos na matéria que ele foi expulso do grupo por um assessor.

O grupo tem como administrador o assessor, que por sua vez é subordinado a Chico Vaulino. Não sendo assim, não falaria por ele. Sobre ser chamado de "cachorro" pelo dito assessor, temos o áudio. Mesmo com a expulsão e o xingamento, Chico segue calado, sem defender Marcos, que jura não estar distanciado de Chico. Pelo jeito, trata-se de uma união de um só lado.

Nenhum comentário: