. CAMOCIM ONLINE: CARTA AOS CAMOCINENSES
E-mail tadnogueira@hotmail.com
Telefones (88) 99603-4531 (88) 98814-0779
Endereço Rua Zeferino Veras, 301 - Centro Camocim - Ceará - Brasil CEP 62.400-000

sábado, 7 de outubro de 2017

CARTA AOS CAMOCINENSES

Sou Washington Trévia, engenheiro civil, filho de Camocim. Há quase 30 anos venho trabalhando em projetos e construções nesta terra, assunto sobre o qual posso falar com propriedade. 
Adquiri 62 lotes de terra no bairro Aeroporto, próximo ao bairro Cruzeiro, querendo, com este imóvel, fazer um bom movimento de obras na cidade. Desde o começo deste ano pleiteio uma parceria junto à agência da Caixa Econômica Federal no município, em busca de financiamentos para meus clientes.  
Sinto-me no dever de informar a essas pessoas, bem como às suas famílias e às famílias dos operários que compõem a minha equipe de profissionais, que está sendo muito difícil vencer a burocracia e a falta de visão empreendedora da gerência da referida agência. 
Preciso destacar o interesse e o grande empenho de alguns funcionários da instituição, que fizeram com que inúmeras pessoas conseguissem seus financiamentos. 
O que se constitui um entrave é a ingerência que se percebe na falta de arrojo e visão de progresso dos que gerenciam a agência, o que faz com que os financiamentos venham diminuindo nestes últimos meses (não apenas na última quinzena, por falta de recursos, como a agência tenta passar, haja vista a espera, por parte de alguns clientes, de até 6 semanas por uma entrevista ou exigindo, na entrevista, depósitos de valores incompatíveis com a renda do cliente, sem deixar margem para que esse cliente negocie com o próprio construtor o pagamento do restante não financiado). 
Ressalto que tal omissão vem causando prejuízos aos construtores, tirando inúmeros postos de trabalhos dos camocinenses em um período de crise no país e dificultando os planos e sonhos de quem deseja, há muito tempo, adquirir uma casa própria.
Washington Trévia
Engenheiro Civil – CREA 9839D-CE

1 comentários:

Carlos Augusto Trévia disse...

Vamos divulgar e denunciar para que esses entraves sejam corrigidos pelas autoridades responsáveis pela Caixa Econômica Federal.