segunda-feira, 13 de novembro de 2017

SERVIDORES MUNICIPAIS DE GRANJA DENUNCIAM ATRASO SALARIAL

A Prefeita de Granja, Amanda Arruda, não cumpriu na sua totalidade o polêmico decreto, recentemente baixado por ela própria baixou, no qual determinou que o calendário de pagamento dos servidores mudasse de 30 para o dia 10 de cada mês. O documento inclui os servidores efetivos, comissionados e contratados, de todas as Secretarias Municipais. 
Sendo assim, segundo o que ela mesmo assinou, quem está lotado na Secretaria Municipal de Saúde, deveria ter recebido na última sexta-feira (10), referente a outubro. Não foi o que aconteceu, segundo os próprios prejudicados. 
Eles reclamam ainda que nenhuma informação oficial foi emitida pela Prefeitura Municipal a respeito da situação e que perguntas sobre o caso estão sendo apagadas na página oficial da administração no facebook. 
"A mudança de data já prejudicou todo mundo, pois todos têm prazos a cumprir de suas contas como água, luz, aluguel, etc. Agora vem essa de não sair o dinheiro", disse um servidor.  
O Sindicato dos Servidores emitiu uma nota de repúdio contra o decreto, afirmando que a Prefeita Amanda nunca consultou a instituição sobre o que estava prestes a fazer. Os servidores da Saúde agora temem que uma nova data seja estipulada.  
Postado por Tadeu Nogueira às 09:46h

2 comentários:

Franciscoksdteixeira Teixeira Silva disse...

Fiquem esperto povo de Camocim, na conversa e na mídia é uma coisa, a realidade é assim, salário quer no dia quer se quiser.

Carlos Evanmar Moreira disse...

É o dono de Granja só charlando com o dinheiro dos otários, digo, dos granjenses.