segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

QUEIMOU A LARGADA?

A corrida pela presidência do legislativo de Camocim, para o biênio 2019-2020, cuja eleição está prevista para a próxima segunda-feira (10), ao que tudo indica, teve uma "queimada de largada". 
Em maio deste ano, o Vereador Oliveira da Pesqueira (PC do B) se apressou em lançar seu nome, colocando isso como condição irrevogável para seguir na bancada da situação. Seus colegas não aceitaram a "faca na garganta". 
Querendo a todo custo o cargo, Oliveira (à esquerda na foto) resolveu deixar o grupo com a promessa de que realizaria seu sonho. 
Foi aí que entrou na história o deputado estadual Robério Monteiro (à direita na foto). O político de Itarema prometeu a presidência em troca do apoio de Oliveira à sua candidatura a federal. 
Passada a eleição, com Robério eleito, Oliveira espera agora que a promessa seja cumprida. Para isso, além da candidatura sair da teoria para o prática, há uma questão matemática complicando os planos do comunista. A conta é simples. 
É que a bancada da oposição tem apenas 6 membros, contra 9 da situação, cuja chapa, segundo fontes do blog, já estaria formada. 
Oliveira tem até sexta-feira (07), segundo o regimento interno, para protocolar o seu e demais nomes da mesa diretora (vice, primeiro e segundo secretário). Mas certamente seu chefe político está cuidando de tudo isso. 
Não é possível que o sacrifício de uma mudança de grupo, de situação para oposição e dias e dias debaixo de sol, batendo nas portas, atrás de votos para Robério, tenha sido em vão. 
A decepção poderia levar Oliveira a trocar de "dedo" na próxima foto. Já pensou? 
Postado por Tadeu Nogueira às 10:32h

Um comentário:

Anônimo Araújo disse...

😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂 trocar de dedo foi ótima . Vc é cômico amei 😂😂😂😂😂😂😂😂