terça-feira, 11 de junho de 2019

OAB RECOMENDA QUE MORO E DALLAGNOL SE AFASTEM DOS CARGOS

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) lançou nesta segunda-feira (10) uma nota em que recomenda por unanimidade que Sérgio Moro (foto) se afaste do cargo de Ministro da Justiça e e Deltan Dallagnol do cargo de procurador da Lava Jato.
Apesar de não citar nominalmente os envolvidos, a nota deixa clara a referência ao caso das mensagens privadas, divulgadas neste domingo pelo site The Intercept, que mostram coordenação irregular entre o então juiz federal e o procurador, responsável pela Lava Jato em Curitiba.
A mesma recomendação para Moro também foi feita hoje pelo presidente da comissão especial da reforma da Previdência, deputado Marcelo Ramos (PL-AM).
Deputados de oposição também planejam apresentar requerimentos para convocar o ministro a dar esclarecimentos ao Congresso.
Postado por Tadeu Nogueira às 11:23h
Com informações da Exame 

2 comentários:

Zé Maria disse...

Como um.procurador da Lava Jato ,queria ficar com Dois Bilhões e quinhentos milhões de Reais ,para fazer uma fundação, dinheiro da Petrobas, foi preciso Sua Chefe maior intervir que não poderia acontecer .

cAMOcim disse...

Bolsomito, vão de novo! Kkkkk