quinta-feira, 11 de julho de 2019

NEGOCIAÇÕES SUSPENSAS

As negociações visando o retorno da aliança entre o deputado Romeu Arruda e o ex-prefeito Chico Vaulino, que vêm ocorrendo há vários dias, teriam sido suspensas esta semana.
É que com três analistas de controle externo do TCE e três auditores de controle interno da CGE fiscalizando o Consórcio de Saúde controlado pelo deputado Romeu, as exigências de Vaulino no tocante à distribuição de cargos para seus protegidos, neste momento, não cairiam muito bem. 
Utilizado para abrigar aliados políticos, o Consórcio de Saúde de Camocim, chefiado por Romeu, recebeu ontem a fiscalização. 
Ela se estenderá por todo o dia de hoje. A previsão é que os fiscais retornem à capital no final da tarde. Quando as viaturas passarem pela frente da casa do Chico, na Tijuca, o sinal volta a ficar verde para os "pedidos". 
Em fevereiro último, esse mesmo Chico Vaulino gravou um vídeo acusando Romeu de traí-lo na calada da noite, visando roubar sua liderança em Camocim. E disse mais: 
"Romeu, você chegou com seus reais e comprou alguns vereadores nossos. Aí começou a divisão do grupo. Não iremos aceitar isso. Não precisamos de interferência de fora. Alguns de nossos amigos estão sendo manipulados por um elemento do teu tipo e tua qualidade, que tive, nesses 4 meses o desprazer de conhecer e conviver. Tua máscara está caindo". 
Chico lembrou ainda que foi avisado que isso iria acontecer: "Chico, esse menino de Granja vai dar trabalho a você, alguns me disseram".
Postado por Tadeu Nogueira às 09:35h

Nenhum comentário: