quarta-feira, 30 de setembro de 2020

SEM RECEBER DIREITOS, EQUIPE DO PORTAL DE CAMOCIM É DEMITIDA

Os funcionários do Portal de Camocim, de propriedade do Sargento Erasmo Gomes, apresentado ao público como "site especializado em notícias e agência de publicidade", foram demitidos de forma sumária em plena pandemia, com um agravante: não receberam os direitos trabalhistas previstos em lei, apesar de terem trabalhado na empresa por cerca de 3 anos. 

Segundo informações obtidas pelo Camocim Online, sentindo-se lesados, os profissionais, que trabalhavam sem carteira assinada, já estariam buscando amparo na Justiça. 

Ex-vereador de Camocim, tendo sido cassado por quebra de decoro em agosto deste ano, Erasmo, que é Sargento da Marinha e empresário do segmento de segurança privada no Rio de Janeiro, sempre cobrou, em suas redes sociais e no site em questão, retidão, honestidade e cumprimento das leis. Isso dos outros. 

Por Tadeu Nogueira

Nenhum comentário: